Connect with us

Cinema

Guardiões da Galáxia – ENTENDA quem são os novos personagens do Universo MARVEL.

Published

on

O novo filme dos Guardiões da Galáxia chega aos cinemas no próximo dia 27 de abril. Muitos novos personagens são introduzidos ou fazem participações especiais no longa de James Gunn. A galera aqui da redação resolveu criar um guia. Então você que adora o Universo cinematográfico da Marvel, mas não leu muitas HQ’s pela vida, pode saber tudo dos novos personagens. Confira abaixo personagens que aparecem pela primeira vez no UCM (Universo Cinematográfico da Marvel), com exceção do Howard, o pato, que aparece em umas das cenas pós-créditos de Guardiões da Galáxia 1.

 

EGO, O PLANETA VIVO 

Ego, o Planeta Vivo, criado por Stan Lee e Jack Kirby, teve sua primeira aparição na revista Thor #132, e como seu nome sugere, ele é um planeta consciente. Ele possui uma inteligência sobre-humana, capacidade de se transportar pelo hiperespaço e controle total sobre sua “biosfera” permitindo que ele crie anticorpos com formas humanoides para se defender de possíveis invasores, assim como um corpo humano cria seus próprios anticorpos para se defender de doenças. Nesse quesito, o Ego tem uma estrutura semelhante ao de um organismo completamente biológico, tendo túneis internos que se assemelham as veias do corpo humano e podendo até digerir seus inimigos sugando-os pela superfície e digerindo-os em ácidos que lembram ácidos estomacais. Ele tem também capacidade de se regenerar e mudar sua superfície de forma.

Mesmo não tendo sido muito utilizado no universo dos quadrinhos nos últimos anos, o Ego já enfrentou Bill Raio Beta, o Nova Richard Rider e até mesmo o Titã Louco, Thanos. Sua última aparição conhecida nos quadrinhos foi em Rocket Raccoon vol2 #6 onde o Roedor é contratado por um dos anticorpos do Ego para fazer a limpa em um bando de piolhos espaciais que haviam infestado o Ego.

 

MARTINEX

Super-herói das HQs de “Os Guardiões da Galáxia”, cujas aventuras se passam na Terra-691 (um planeta em outra dimensão, parecido com a Terra). Martinex, o homem de cristal, é um dos quatro únicos sobreviventes dos mundos perdidos, no futuro. No caso dele, é o último sobrevivente da colônia da Terra em Plutão. Martinex se uniu a três outros sobreviventes de seus respectivos planetas, formando assim os Guardiões da Galáxia.

Martinex

Tanto Martinex quanto os Guardiões apareceram pela primeira vez no número 18 da revista “Marvel Super-Heroes”, com data de janeiro de 1969. Foi criado por Arnold Dake e Gene Colan. 

 

CHARLIE – 27 

Charlie é um dos quatro únicos sobreviventes dos mundos perdidos, no ano de 3007, mesmo grupo de Martinex. No seu caso, era o último sobrevivente da colônia da Terra em Júpiter, nascido para viver em um planeta com a massa 11 vezes maior e uma gravidade três vezes à do nosso mundo, o que lhe confere uma força sobre-humana.

Charlie – 27

Charlie, também criado por Arnold Dake e Gene Colan, aparece pela primeira vez no número 18 da revista “Marvel Super-Heroes”, com data de janeiro de 1969. No Brasil, Charlie estreou em 1978, no álbum de figurinhas “Super-Heróis”, da editora Dimensão, onde era chamado genericamente de “Guardião da Galáxia”. No ano seguinte, foi a vez dos leitores de quadrinhos o conhecerem, na revista “Super-Heróis Marvel” n° 5.

 

MAINFRAME

Em Guardiões da Galáxia Vol.2, é dublado pela astro Pop, Miley Cyrus. Mainframe apareceu pela primeira vez em A-Next # 1, criado por Tom DeFalco e Rob Frenz. Era parte da impressão MC2 que se baseava em What If? # 105

Mainframe

Em uma realidade alternativa da Terra ; Depois de ver vários de seus amigos Vingadores morrerem em sua última missão, Tony Stark decidiu que não poderia mais continuar como Homem de Ferro e escolheu se aposentar. Mas Stark também percebeu que os Vingadores eram muito importantes, e para garantir que sempre haveria um Homem de Ferro para ficar do lado dos Vingadores, planejou uma proteção especial contra falhas. Ele criou um programa de computador especial baseado em seus encefalogramas, que ele chamou de Mainframe.

 

STAKAR OGORD (ÁGUIA ESTELAR) 

Interpretador por Sylvester Stallone, Stakar Ogord é uma versão do Águia Estelar (Starhawk, no original). Apareceu pela primeira vez no n° 27 da revista americana dos “Defensores”, com data de setembro de 1975. No Brasil, chegou a ser chamado de “Pássaro da Galáxia” (nas figurinhas publicadas pela editora Dimensão em 1978 e nas que a Ping-Pong lançou em 1979), nome mudado para “Águia Estelar” quando passou a ser publicado pela Editora Abril.

 

 

HOWARD, O PATO

Apesar de suas aparições no Universo Cinematográfico da Marvel terem sido bem curtas, Howard, o pato, tem uma história bem longa nos quadrinhos. Criado por Steve Gerber para a editora Marvel Comics, Howard teve sua primeira aparição em Adventure into Fear #19, em dezembro de 1973, aparecendo como um coadjuvante nas histórias do Homem-Coisa.

Vindo para a Terra depois de cair num abismo dimensional da sua terra natal, o Duckworld, Howard conseguiu um emprego na polícia, onde daí começam suas aventuras. Apesar de sua aparência e fisiologia serem um misto de humano e pato terrestre, Howard é mestre das artes marciais do Quack-Fu, o que o torna um exímio combatente a curtas distâncias. Durante um tempo de treinamento com o Mago Supremo, Stephen Strange, Howard também treinou nas artes mágicas, conseguindo convocar algumas das magias do Dr. Estranho, como visto no Official Handbook of the Marvel Universe #5. Tudo isso sem contar que Howard é considerado o mais inteligente ser de sua espécie.

 

VIGIA 

Os vigias são considerados os seres mais antigos do universo Marvel, com a missão de observar e guardar todo conhecimento do universo. Num primeiro momento, os vigias tentaram ajudar uma raça a se desenvolver, dando o poder do conhecimento a eles, mas após essa raça ter se destruído, eles chegaram no acordo de jamais interferir, somente observar (Tales of Suspense #53). Mesmo com a regra de somente observar, o Vigia da Terra, Uatu, já se revelou algumas vezes aos terráqueos para avisá-los da vinda de Galactus, do Homem-molecular e algumas outras ameaças.

Uatu, o Vigia da Terra, vive na sua base na Lua, mais especificamente, no lado azul da Lua, que é uma área da Lua com oxigênio e gravidade parecida com a da Terra.

Vigia

É também a partir de Uatu que vemos a maioria das histórias What if. que é como a maioria dessas histórias começa, com o Vigia contando o que aconteceria num universo paralelo se algum fato do universo Marvel tivesse acontecido diferente, como se o Homem-Aranha nunca tivesse se casado, ou se o Quarteto Fantástico não ganhasse os poderes dos raios cósmicos, entre outras.

 

ADAM WARLOCK

Criado por Jack Kirby e Stan Lee, teve sua primeira aparição: “Fantastic Four” n° 66, de 1967. Mas sua origem só foi detalhada mais tarde: anos atrás, cientistas do Enclave (também conhecidos por Colmeia, inimigos do Quarteto Fantástico) que almejavam a dominação do planeta através da criação de uma raça de humanos supremos, conseguiram criar um ser de incrível poder. Sem nome, ele se autodenominaria “Ele”, ao ressurgir do casulo e se confrontar com outro herói, Thor. Derrotado pelo Deus do Trovão, voltou para o casulo e partiu da Terra, sendo encontrado mais tarde pelo Alto Evolucionário.Nos anos 70, Warlock teria suas próprias histórias, desenhadas por Jim Starlin.

Adam Warlock

 

 

 

 

 

Agora você já conhece todos os novos personagens do Universo Guardiões da Galáxia. A expectativa está muito alto, dia 27 de Abril estréia em território nacional. Fiquem ligados no Portal Geração Z, quarta-feira (26) sai a crítica SEM SPOILERS de Guardiões da Galáxia Vol.2. Já divulgamos aqui, a trilha sonora do filme, confere lá.

Colaborador: João Pedro Benício

Cinema

DJ Amorim vive filho do comediante Paulo Mathias Jr em sua estreia no cinema

Published

on

O elenco de “Os Espetaculares” também conta com Rafael Portugal, Luísa Perissé e Victor Meyniel

O carioca DJ Amorim, de 13 anos faz sua estreia no cinema no filme “Os Espetaculares”, uma comédia com Rafael Portugal e Paulo Mathias Jr. O filme acompanha um grupo de comediantes que precisa ganhar um concurso e tenta se afirmar no mercado dos espetáculos, revelando os bastidores do stand-up. Na trama, Ed Lima (Paulo Mathias Jr.) é um egocêntrico comediante de stand up que tem uma amorosa relação com o filho de 12 anos (o estreante DJ Amorim). Em cena, tem ainda uma jovem nerd que conta “piadas intelectuais” (Luísa Perissé), e o divertido, mas lunático, atendente de uma padaria (Victor Meyniel). “Os Espetaculares” chegou ao streaming (Apple TV, Now, Google Play, Youtube, Vivo Play e Sky Play). DJ Amorim, nome artístico escolhido pelo menino Deivis Júnior estará na próxima novela das 6 da Rede Globo, “Nos Tempos do Imperador”, adiada por conta da pandemia da Covid-19. O menino, que também é dublador e dançarino, já soma diversos trabalhos na TV e no teatro. Em “Jesus” novela da TV Record viveu Simão Zelote e participou da produção “O Rico e Lárazo”, também da emissora. Além das séries “Renascidos”, “Impuros” e “Bom Dia, Verônica”, que tem previsão de estreia na Netflix em outubro. Um garoto tranquilo e dedicado ao que faz, DJ Amorim se diz muito apaixonado pela atuação e pela dança, onde se especializa em hip hop, ballet clássico e sapateado.
Assessoria: 12ML comunicação

Continue Reading

Cinema

Camila Curty protagoniza série internacional “La Llamada”

Published

on

Dentro de todos os projetos de quarentena estrelados, a atriz Camila Curty foi convidada para participar de uma série internacional com atores do mundo todo. “La Llamada”, do diretor mexicano Octavio Maya Rocha, narra a história de personagens ao redor do mundo, diretamente relacionados à pandemia do COVID-19. Todos os episódios foram gravados por chamada de vídeo e tratam de cenários e assuntos muito importantes.

Com atores do Japão, Rússia, Nova York, Bolívia, entre outros, Camila é quem representa o Brasil na série. Sua personagem Sophia Queiroz, é uma antropóloga brasileira que tenta fazer contato com o companheiro de trabalho para dar a notícia de que o outro companheiro de ambos havia morrido e que as comunidades indígenas do Amazonas estão infectadas.

O convite para interpretar Sophia surgiu e Camila aceitou prontamente. “Octavio Maya estava dando início ao projeto com atores de todo mundo e Claudia Eid, diretora boliviana e grande amiga, me indicou quando ele começou a procurar uma atriz que representasse o Brasil. Octavio entrou em contato comigo e eu adorei o projeto, é muito a minha cara. Topei na hora”, afirma Camila. A atriz ainda revela o quão especial é para ela ser a única representante brasileira no projeto. “É muito especial para mim estar em um projeto que eu acredito e me identifico tanto, podendo ser a voz do Brasil em uma série que se passa no mundo inteiro”, completa.

Camila protagoniza o episódio do qual participa, uma vez que os episódios são independentes uns dos outros. A abordagem do cenário brasileiro na trama, trata diretamente de assuntos políticos que assolam o país desde o início da pandemia, como a omissão do governo frente ao caos. Ao fim do episódio, é feita ainda uma relação entre a situação brasileira e boliviana, o que o torna ainda um divisor de águas para a série.

Pôster de “La Llamada”

Em uma série exibida em todo mundo, o texto que trás toda a indiferença que o povo brasileiro enfrenta, torna-se uma documentação do que está acontecendo em um momento que entrará para os livros de história futuros. Além de entretenimento, “La Llamada” ganha uma importância ainda maior.

“Como é uma série internacional e que abrange uma área tão grande (já que envolve vários países), falar sobre a situação atual do Brasil na pandemia, sobre a situação da Amazônia, é como registrar um documento histórico, já que é uma história totalmente baseada em fatos reais. Acredito no poder que a arte tem de comunicar, denunciar e abrir os olhos que estão fechados. Poder ser porta voz desse assunto, que mexe tanto comigo, é muito importante pra mim” relata Camila.

A série foi inteiramente gravada por meio de chamadas de vídeos com os atores de outras nacionalidades e dirigida por Octavio Maya. O modelo que tem sido muito utilizado em produções audiovisuais por todo o mundo durante o isolamento social. E, além do episódio interpretado por Camila, toda a série é repleta de simbologias e mitos, servindo também como denúncia para situações reais que estão acontecendo no mundo durante todo o período de pandemia.

Para Camila, a produção de “La Llamada” aconteceu estando diretamente em contato com Octavio. O diretor em chamada de vídeo no México com a atriz no Brasil, produziu todo o episódio, que foi gravado dentro da casa de Camila.

“Octavio e eu produzimos tudo por vídeo chamada, ele no México e eu no Brasil. Trocamos vários áudios, evoluímos para o vídeo e tudo aconteceu assim. O Octavio desenvolve um movimento no cinema chamado MetaCine, que é a reinterpretação do que você pode ver na realidade e ele é super ligado na tecnologia. Casou perfeitamente com a produção do projeto, já que o episódio foi gravado na minha casa mesmo, pelo meu celular”, conta Camila.

E sendo produção de caráter realístico dentro de uma trama muito bem construída e, acima de tudo, sendo o primeiro projeto internacional da atriz, “La Llamada” já conquistou um espaço especial na carreira de Camila.

“É a primeira vez que faço parte de um projeto internacional e é um projeto a minha cara. Me identifico muito enquanto artista com essa pegada realista, documental e política. É especial demais estar trabalhando em um projeto tão grande e com pessoas tão talentosas e generosas. E é ainda mais especial acreditar nesse projeto”, conclui.

Continue Reading

Cinema

Série “The Stripper” é exibida hoje no Fest Cine Pedra Azul

Published

on

E foi dada a largada para o Fest Cine Pedra Azul. Vivendo ainda a pandemia que afetou todo o país, o festival internacional de cinema precisou adaptar a programação para a versão digital, exibindo as mostras pelo site oficial. “The Stripper”, que conta com o ator Rodrigo Tardelli integrando o elenco, concorre ao festival e será exibido hoje Fest Cine Pedra Azul.

A trama foi indicada na categoria “Webséries” no festival internacional de cinema que decidiu abrir neste ano um espaço especial para as produções voltadas para internet. “The Stripper” concorre com mais oito produções. A série é da Ponto Ação Produções, produtora de conteúdo independente do ator em sociedade com as atrizes Priscilla Pugliese e Natalie Smith.

O ator ainda comenta sobre a expectativa para o festival. “As expectativas são as melhores. Demos toda nossa energia a The Stripper e agradeço muito ao Fest Cine Pedra Azul por ser o primeiro festival a abrir espaço para essa série”, afirma Tardelli.

Também ficou com vontade de assistir “The Stripper” no Fest Cine Pedra Azul? Basta clicar AQUI e preparar a pipoca. As exibições começam hoje, a partir das 20h!

Confira o trailer de “The Stripper” para já se preparar para a exibição:

Continue Reading

Trending

Copyright © 2017 Geração Z. Theme by Mega Group. powered by Rafael Nascimento.

Close Bitnami banner
Bitnami