Connect with us

Televisão

Orange is the New Black (5ª temporada) – “Welcome to Litchfield 2.0”

Published

on

orange is the new black-5-temporada

Mais de um mês depois de toda a polêmica envolvendo hackers e episódios vazados na internet, que acabou virando estratégia de marketing, finalmente a 5ª temporada de Orange is the New Black foi lançada pela Netflix. É engraçado que toda essa situação de ter os episódios roubados e a tentativa de negociação por parte dos hackers de certa forma se assemelha a trama da série nesta temporada.

A história é retomada exatamente do ponto onde parou, com as prisioneiras começando a se rebelar, e se desenvolve pelo decorrer da rebelião. De início vemos as prisioneiras se unirem em prol de um interesse comum, mas aos poucos isso vai perdendo a força tudo acaba virando uma bagunça geral.  Muitos outros plots são desenvolvidos, mas a maioria acaba não levando a lugar nenhum.

O grande destaque da série continua sendo Taystee (Danielle Brooks). Seu processo de luto pela morte da melhor amiga, Poussey (Samira Wiley), é realmente comovente e dá força à personagem para lutar por justiça. As cenas dela negociando as exigências para liberar os guardas feitos de reféns são excelentes e um dos pontos altos da temporada. E por falar nos guardas feitos de reféns, essa parte da história foi bem interessante de se explorar, principalmente, para lembrar que essas personagens são criminosas e estão presas por um motivo. A forma com que lidam com esses guardas deixa evidente o rancor impiedoso que elas têm em relação a eles.

Outros pontos altos foram: a homenagem feita a Poussey; o dilema vivido por Gloria (Selenis Leyva); a forma como a rebelião afetou Suzanne (Uzo Aduba); e o desenvolvimento da relação entre Nicky (Natasha Lyonne) e Lorna (Yael Stone). Entre os pontos fracos ficaram: a resolução da história de Jude King (Blair Brown); a rixa entre Red (Kate Mulgrew) e Piscatella (Brad William Henke); o disfarce de Linda (Beth Dover) como prisioneira e todo desenvolvimento em torno disso; e a insistência de Pennsatucky (Taryn Manning) em se envolver com o guarda que a estuprou.

Outra coisa que não funcionou bem foram os Flashbacks. Com exceção do que contava a história de Piscatella, todos os outros flashbacks não acrescentaram em nada a história. O mesmo serve para as cenas do guarda Bayley (Alan Aisenberg), responsável pela morte de Poussey, vagando feito menino arrependido, reforçando algo que já havia sido estabelecido na temporada anterior.

Em relação à Piper (Taylor Schilling), nessa temporada, ela acabou sendo mais coadjuvante do que nunca. Apesar de se envolver na rebelião, sua história focou mais em seu relacionamento com Alex (Laura Prepon), o que achei que foi realmente necessário, pois desde o fim da primeira temporada parecia que o casal não tinha mais conexão. Dessa vez a relação aparenta ser mais natural.

No geral, a temporada nos proporcionou alguns bons momentos, principalmente na parte da comédia, mas por se tratar de uma trama desenvolvida em um espaço temporal de três dias, acaba parecendo que a história não andou muito e o que desenvolvimento dos personagens foi quase nenhum. A sensação que fica é a de que esta foi uma temporada de transição. Já sabemos como era antes da rebelião e os motivos que levaram para se chegar a esse ponto, e agora fica o questionamento do que será que vai acontecer depois. O encerramento da temporada deixa bem em aberto essa próxima fase de Orange is the New Black e, aparentemente, muita coisa vai mudar.

Televisão

“As Top+” estreia na Top TV no comando de Gusta Arruda

Published

on

Gusta Arruda tem apenas 18 anos e é uma das novas promessas da televisão. Com tão pouco tempo ele acaba de conquistar um feito que muito marmanjo mais velho que ele não conseguiu realizar.

É o novo contratado da Top TV. Trata-se da primeira e única emissora 100% sertaneja do país com programação 24 horas voltada ao gênero musical.

Fã de música sertaneja desde criança Gusta Arruda vai comandar “As Top+” na programação. Ele se junta ao time da emissora que tem em seu casting a cantora sertaneja Tuta Guedes que comanda o “Clube do Fã” outro programa que vem fazendo o maior sucesso no canal. Gusta além de apresentador dirige o programa apresentado pela cantora.

Os telespectadores mandam seu pedido em vídeo para o e-mail (toptv.rede@gmail.com) ou fazem o pedido via Facebook (facebook.com/toptvbr) no post fixado. O programa é descontraído, com uma linguagem mais jovem, exibindo sempre os lançamentos, e atendendo o pedido do telespectador.

O programa inédito vai ao ar uma vez por semana e é reprisado por várias vezes durante a programação. Sintonize a Top TV na sua TV Digital.

Continue Reading

Televisão

Confira a lista de indicados ao ‘Emmys 2018’

Published

on

Foram anunciados nesta quinta-feira, 12 de julho, os indicados a premiação de maior relevância da TV Mundial: O EMMYS! Em sua 70ª edição, as melhores séries, minisséries, atuações e programas da TV americana serão agraciadas com a linda estatueta angelical erguendo o mundo.

Parte da aguardada lista foi revelada por Samira Wiley (“The Handmaid’s Tale” e “Orange Is the New Black”) e por Ryan Eggold, astro do novo drama da NBC “New Amsterdam”. Aos dois, se juntou Hayma Washington, presidente da Academia de Televisão dos EUA, em evento transmitido pelo site oficial da premiação. De acordo com anúncio do próprio, a categoria de “Melhor Série Dramática” será disputada por “The Handmaid’s Tale”; “The Americans”; “The Crown”; “Stranger Things”; “Westworld”; “This is US” e “Game of Thrones”. Já entre as comédias, “Black-ish”; “Atlanta”; “Barry”; “Unbreakable Kimmy Schmidt”; “Glow”; “Curb Your Enthusiasm”; “Silicon Valley” e “The Marvelous Mrs. Maisel” foram os destaques.

Confira a lista das principais categorias:

Melhor Série Dramática
The Americans
The Crown
Game Of Thrones
The Handmaid’s Tale
Stranger Things
This Is Us
Westworld

Melhor Atriz em Série Dramática
Claire Foy (The Crown)
Tatiana Maslany (Orphan Black)
Elisabeth Moss (The Handmaid’s Tale)
Sandra Oh (Killing Eve)
Keri Russell (The Americans)
Evan Rachel Wood (Westworld)

Melhor Atriz Coadjuvante em Série Dramática
Alexis Bledel, The Handmaid’s Tale
Millie Bobby Brown, Stranger Things
Ann Dowd, The Handmaid’s Tale
Lena Headey, Game of Thrones
Vanessa Kirby, The Crown
Thandie Newton, Westworld
Yvonne Strahovski, The Handmaid’s Tale

Melhor Atriz Convidada em Série Dramática
Cherry Jones – “The handmaid’s tale”
Cicely Tyson – “How to get away with murder”
Diana Rigg – “Game of thrones”
Kelly Jenrette – “The handmaid’s tale”
Samira Wiley – “The handmaid’s tale”
Viola Davis – “Scandal”

Melhor Ator em Série Dramática
Jason Bateman (Ozark)
Sterling K. Brown (This Is Us)
Ed Harris (Westworld)
Matthew Rhys (The Americans)
Milo Ventimiglia (This Is Us)
Jeffrey Wright (Westworld)

Melhor Ator Coadjuvante em Série Dramática
Nikolaj Coster-Waldau, Game of Thrones
Peter Dinklage, Game of Thrones
Joseph Fiennes, The Handmaid’s Tale
David Harbour, Stranger Things
Mandy Patinkin, Homeland
Matt Smith, The Crown

Melhor Ator Convidado em Série Dramática
Cameron Britton – “Mindhunter”
F. Murray Abraham – “Homeland”
Gerald McRaney – “This is us”
Jimmi Simpson – “Westworld”
Matthew Goode – “The Crown”
Ron Cephas Jones – “This is us”

Melhor Série de Comédia
“Black-ish”
“Atlanta”
“Barry”
“Unbreakable Kimmy Schmidt”
“Glow”
“Curb Your Enthusiasm”
“Silicon Valley”
“The Marvelous Mrs. Maisel”

Melhor Atriz em Série de Comédia
Allison Janney – “Mom”
Issa Rae – “Insecure”
Lily Tomlin – “Grace and Frankie”
Pamela Adlon – “Better things”
Rachel Brosnahan – “The marvelous mrs. Maisel”
Tracee Ellis Ross – “Black-ish”

Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Comédia
Aidy Bryant – “Saturday night live”
Alex Borstein – “The marvelous mrs. Maisel”
Betty Gilpin – “Glow”
Kate McKinnon – “Saturday night live”
Laurie Metcalf – “Roseanne”
Leslie Jones – “Saturday night live”
Megan Mullally – “Will & Grace”
Zazie Beetz – “Atlanta”

Melhor atriz convidada em série de comédia
Jane Lynch – “The marvelous mrs. Maisel”
Maya Rudolph – “The good place”
Molly Shannon – “Will & Grace”
Tiffany Haddish – “Saturday night live”
Tina Fey – “Saturday night live”
Wanda Sykes – “Black-ish”

Melhor Ator em Série de Comédia
Anthony Anderson – “Black-ish”
Bill Hader – “Barry”
Donald Glover – “Atlanta”
Larry David – “Curb your enthusiasm”
Ted Danson – “The Good Place”
William H. Macy – “Shameless

Melhor Ator Coadjuvante em Série de Comédia
Alec Baldwin – “Saturday night live”
Brian Tyree Henry – “Atlanta”
Henry Winkler – “Barry”
Kenan Thompson – “Saturda night live”
Louie Anderson – “Baskets”
Tituss Burgess – “Unbreakable Kimmy Schmidt”
Tony Shalhoub – “The marvelous mrs. Maisel”

Melhor Ator Convidado em Série de Comédia
Bill Hader – “Saturday night live”
Bryan Cranston – “Curb your enthuasiasm”
Donald Glover – “Saturday night live”
Katt Williams – “Atlanta”
Lin-Manuel Miranda – “Curb your enthusiasm”
Sterling K. Brown – “Brooklyn Nine-Nine”

Melhor Minissérie
“American Crime Story”
“Genius”
“Godless”
“Patrick Melrose”
“The Alienist”

Melhor Atriz em Minissérie ou Telefilme
Edie Falco – “Law & Order True Crime”
Regina King – “Seven Seconds”
Sarah Paulson – “American Horror Story”
Jessica Biel – “The Sinner”
Laura Dern – “The Tale”

Melhor Atriz Coadjuvante em Minissérie ou Telefilme
Adina Porter – “American Horror Story”
Judith Light – “American Crime Story”
Letitia Wright – “Black Mirror”
Merritt Wever – “Godless”
Penélope Cruz – “American Crime Story”
Sara Bareiless – “Jesus Christ Superstar Live in concert”

Melhor Ator em Minissérie ou Telefilme
Antonio Banderas – “Genius”
Darren Criss – “American Crime Story”
Benedict Cumberbatch – “Patrick Melrose”
Jeff Daniels – “The Looming Tower”
John Legend – “Jesus Christ Superstar Live in concert”
Jesse Plemons – “Black Mirror”

Melhor Ator Coadjuvante em Minissérie ou Telefilme
Brandon Victor Dixon – “Jesus Christ Superstar Live in concert”
Edgar Ramírez – “American Crime Story”
Finn Wittrock – “American Crime Story”
Jeff Daniels – “Godless”
John Leguizamo – “Waco”
Michael Stuhlbarg – “The Looming Tower”
Ricky Martin – “American Crime Story”

Melhor Reality Show
The Amazing Race
American Ninja Warrior
Project Runway
RuPaul’s Drag Race
Top Chef
The Voice

Melhor Programa de Esquetes e Variedades
Saturday Night Live
Portlandia
Drunk History
Tracey Ullman’s Show
At Home with Amy Sedaris
I Love You, America

Melhor Programa de Entrevista
The Daily Show With Trevor Noah
Full Frontal With Samantha Bee
Jimmy Kimmel Live
Last Week Tonight with John Oliver
Late Late Show with James Corden
Late Show with Stephen Colbert

Com apresentação dos humoristas do “Saturday Night Live”, Colin Jost e Michael Che, a edição 2018 do Emmy acontece no próximo dia 17 de setembro em Los Angeles.

Para conferir a lista com as 122 categorias da premiação, clique aqui.

Continue Reading

Televisão

Felipe Titto estampa catálogo de moda da Hundred Limit

Published

on

O ator Felipe Titto que recentemente foi destaque na novela “O Outro Lado do Paraíso” da Rede Globo com o personagem Odair é o novo garoto propaganda da grife Hundred Limit.

O ator que também é modelo e empresário foi fotografado pelo renomado Levi Cruz e o cabelo e make ficaram por conta de Ashiley Vittar. As fotos foram feitas no Campo de Marte na zona norte de São Paulo.

A Hundred Limit é a grife queridinha dos famosos e acaba de lançar uma coleção de roupas exclusivas do youtuber Whindersson Nunes.

Felipe Titto estrela catálogo da Hundred Limit. Divulgação | Levi Cruz

Felipe Titto estrela catálogo da Hundred Limit. Divulgação | Levi Cruz

Felipe Titto estrela catálogo da Hundred Limit. Divulgação | Levi Cruz

Felipe Titto estrela catálogo da Hundred Limit. Divulgação | Levi Cruz

Continue Reading

Trending