Connect with us

Música

Viralizados na internet, MC 2Jhow e Bianca se unem para lançar música sobre o empoderamento feminino

Published

on

Além de ser um dos ritmos mais populares do Brasil, o funk também pode ser uma importante ferramenta de empoderamento feminino e combate ao machismo. Na contramão das letras dos anos 90/2000, que em sua maioria depreciavam e objetificavam a mulher, alguns artistas já vêm usando suas músicas para denunciar o sexismo e celebrar a liberdade feminina, como em “Mulher Independente”, que chega como grande promessa de hit à partir desta sexta-feira, 19. A canção, com batida ideal para coreografias e sonoridade que passeia entre o funk e o pop, é lançada em single e vídeo por MC 2Jhow em parceria com a cantora Bianca.

“Contra a força não há resistência, você sabe muito bem. A mulher quando é independente não quer guerra com ninguém”, é assim que os funkeiros já preveem o sucesso ainda nas primeiras linhas do refrão do single, composta por MC 2Jhow, com inspiração na própria Bianca e também em outras mulheres independentes da música, como Ivete Sangalo, Anitta, Jojo Todynho e Ludmilla. “A letra fala sobre uma mulher que trabalha, que corre atrás, que inspira, tem seus luxos, e tudo bancado por ela mesma. Uma mulher que faz o que quer, na hora que quer, da maneira que quer. Que está sempre se reinventando e que se ama e se valoriza em primeiro lugar”, destaca o MC.

E continua: “Não é meu local de fala, mas eu decidi escrever essa música porque infelizmente enxergo que ainda vivemos num país preconceituoso, em que a maioria dos homens não consegue entender ainda que a mulher também pode ter a sua independência, e pode ter sim as suas coisas. Até porque a mulher não precisa de nós para nada. Então acho importante dar voz para esse movimento e usar a música como ferramenta para fazer com que mais homens vejam isso desta forma também. E para isso, usei toda a militância da Bianca como uma das principais inspirações para poder exaltar de forma correta o empoderamento feminino presente na música”, completou 2Jhow, que acredita que as letras valorizando a mulher sejam a nova tendência do funk atual.

“Mulher Independente” é a grande aposta dos funkeiros que já viralizaram na internet com outros grandes sucessos, como “Talarica” e “Vem Sentando Vem”, de Mc 2Jhow, e “Tudo no Sigilo”, que encantou a internet na voz de Bianca. O clipe ambientado numa Mansão no Joá, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, traz um clima sensual, sol, piscina, dança e muito poder. “Eu acredito muito nessa música! E tem uma pegada que vai muito ao encontro do que busco sempre para as minhas músicas. Eu sempre gosto de passar essa mensagem de empoderamento feminino nas minhas letras, para as pessoas escutarem mais sobre o assunto. E o 2Jhow soube construir isso muito bem nessa letra”, acrescentou Bianca, que ostenta com orgulho o fato de ter sido a única brasileira indicada pela Billboard na lista das 20 cantoras latinas que merecem ser descobertas.

O encontro entre os cantores faz parte de um projeto da Soull Music BR, em parceria com a De Verdade Entretenimento e a Sony Music, que apostam na canção como o próximo hit da estação.

Assista: 

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Música

“Você Que Lute”: Giana Mello lança música composta por produtor de Anitta

Published

on

Giana Mello apresenta hoje (02), o seu novo videoclipe “Você Que Lute”. A cantora que é fenômeno nas redes sociais, mostra um outro lado da carreira onde já vinha se destacando desde seu último lançamento “Vou Jogar”, e agora traz mais uma novidade que promete enlouquecer os fãs.

“Você Que Lute” é o terceiro clipe da cantora. O local escolhido para a gravação do vídeo foi em uma floresta com um frio de 9° graus, localizada em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, cidade natal da cantora.

O single foi composto por Umberto Tavares, renomado produtor musical que já trabalhou com grandes nomes da música como Anitta, Ludmilla, Pabllo Vittar, entre outros. A canção traz uma mistura dos ritmos Pagode Baiano e Pop/Funk.

“Se preparem para se encantar com o clipe e a melodia. Jurooo!! Estava tão ansiosa, não sei nem explicar… É um misto de emoções! Mas estou muito feliz com o resultado, é meu terceiro lançamento, com composição do gigante Umberto Tavares, me sinto extremamente grata e honrada por estar com ele nessa música. Espero que todos amem assim como eu!”, comentou a cantora.

Desde criança sonhava em seguir a carreira artística, após se destacar em concursos musicais, nos quais chegou a ser campeã, Giana decidiu então se dedicar exclusivamente à música. A jovem que tem intimidade com a dança, inclusive já praticou diversos tipos, desde a de salão até stiletto, assinou a coreografia de “Você Que Lute”, deixando sua marca cheia de atitude e empoderamento feminino.

Continue Reading

Música

Drag queen Gaah lança “Pegando Fogo (O clima tá quente)”, com letra de protesto

Published

on

A cantora drag queen Gaah, disponibilizou o seu primeiro single! “Pegando Fogo (O clima tá quente)” dando início à sua carreira musical com uma composição que traz o orgulho LGBTQIA+ na letra, trazendo visibilidade exatamente no mês do Orgulho. A música já está disponível em todas as plataformas digitais e o videoclipe você pode conferir logo abaixo.

Gaah já faz sucesso na internet com quase 440 mil seguidores no Instagram e quase 300 mil inscritos em seu canal do YouTube e agora dá mais um passo em sua carreira com um megaprojeto, que promete literalmente “pegar fogo”.

Os versos empoderados e de protesto são cantados pela artista de forma bem descontraída, promovendo a importância do respeito e o fim do preconceito.

Perguntada como se sentia com este lançamento, Gaah respondeu:
“Tô muito feliz, porque estou usando a minha imagem como artista e a minha voz pra defender uma comunidade na qual eu faço parte! E isso não tem preço, sabe? Poder estar a frente, poder estar falando pelas pessoas que não têm, por exemplo, a mesma influência que eu, na internet… o meu lema com o meu trabalho é mostrar para as pessoas que elas podem ser quem elas quiserem, independente de julgamentos, nada muda a nossa essência e o que está dentro do nosso coração. Para mim, estar lançando essa música em tão pouco tempo antes do Dia Internacional do Orgulho LGBT é muito emocionante, porque eu nunca imaginei que essa música fosse ser lançada no mês do orgulho! Trabalhamos intensamente e muito delicadamente, e só fizemos uma reunião para decidir a data poucos dias atrás. Então, jamais imaginava, desde que comecei a gravar a música e o clipe, que o projeto iria sair na data perfeita!! Isso é gratificante.”

Com influências de Glória Groove e Lil Nas X, o ritmo animado com batidas dançantes, uma mistura de Funk e Pop, e um clipe de cores vibrantes, looks provocantes e cheio de efeitos especiais, promete encantar os fãs e levantá-los do sofá!

Continue Reading

Música

Pineapple Storm lança “Poesia Acústica 11: Nada Mudou”

Published

on

L7NNON, Xamã, MC Poze do Rodo, Lourena, Azyy, Chris MC, Cynthia Luz e Ryan SP. Essa é a formação do “Poesia Acústica 11: Nada Mudou”. O maior projeto de rap nacional, idealizado pela gravadora Pineapple Storm, chega a sua décima primeira edição depois de mais de 2 bilhões de visualizações no YouTube e 1 bilhão de reproduções nas plataformas digitais. Nesta terça-feira (22), os versos melódicos desses 8 artistas aterrissam na internet e consolidam ainda mais o gênero que briga pelo topo das paradas. Em menos de 24 horas, “Nada mudou já ultrapassou a barreira dos 4 milhões de views no youtube.

Com 3 mulheres em sua formação, o “Poesia 11” vai do funk paulista ao pop em suas sonoridades e referências. A cantora Lourena, por exemplo, cita versos de “Várias Queixas”, sucesso regravado pelo trio Gilsons, para falar de um amor não correspondido. Xamã brinca com a música “Freio da Blazer”, single de L7NNON, que ultrapassa 80 milhões de visualizações no YouTube, e se chama de “a cara dos filho da Deise”. MC Poze também deixa o seu flow de trapper e fala novamente sobre sua vida de corre, sem compromisso: “Não faço poesia, faço trabalho lindo”.

“É muito importante porque, além de contar com nomes consagrados do projeto, como o Xamã, o Chris MC e a Azzy, é a primeira vez que temos três mulheres. Isso será uma regra do ‘Poesia Acústica’ agora – nenhuma edição terá menos do que três cantoras. E conseguimos unir um grande nome do funk atual de São Paulo (Ryan SP) e um ídolo do funk carioca (MC Poze do Rodo). Estamos felizes com o resultado final”, conta Paulo Alvarez, fundador da Pineapple.

Com a temática do amor mais diversa, “Poesia Acústica 11: Nada Mudou” chega às plataformas digitais via ONErpm, e o clipe você pode conferir abaixo!

Continue Reading

Trending

Copyright © 2017 Geração Z. Theme by Mega Group. powered by Rafael Nascimento.

Close Bitnami banner
Bitnami